Motivação | Bonhotel

Harmonização Orofacial: Entenda o que é e as vantagens de fazer

235

Você já ouviu falar em harmonização orofacial? Essa nada mais é do que um procedimento estético que tem ficado cada vez mais popular, que deixa os aspectos do rosto mais harmônicos e alinhados. 

Dessa forma, esse tipo de procedimento acaba tratando com medidas e proporções das linhas faciais visando “proporções áureas”, que nada mais é do que um equilíbrio para deixar tanto o sorriso, quanto o rosto mais bonito. 

Confira tudo o que você precisa saber sobre esse tipo de harmonização, em relação aos benefícios, contra indicações, resultados, para que seja possível saber se esse tipo de procedimento serve para você, mesmo que utilize um aparelho ortodôntico invisível.

Como é feito o procedimento da harmonização orofacial?

Apesar de ser uma surpresa para muitas pessoas, a harmonização orofacial é uma área da odontologia.

Dessa forma, através de alguns procedimentos realizados em consultório, o dentista ou profissional especializado consegue corrigir assimetrias existentes no rosto, bem como melhorar algumas proporções faciais.

Além disso, esse tipo de procedimento também é responsável por contribuir para o bem-estar e saúde, pois o procedimento também auxilia na autoestima.

O custo desse procedimento pode variar de R$1.200 a R$20.000, mais ou menos.

Tudo depende da necessidade do paciente e de quanto ele pode pagar. Assim, o melhor é buscar um profissional de segurança e procurar saber a cotação, ou pesquisar valores, usando termos como: clareamento dental preço, por exemplo.

Para fazer esse tipo de procedimento, a área especializada usa 4 tipos de técnicas mais comuns. Confira abaixo:

  1. Toxina Botulínica

Uma das técnicas utilizadas para esse tipo de procedimento é o famoso botox. Isso porque, a toxina botulínica é uma das técnicas mais utilizadas em procedimentos de harmonização orofacial. 

Vale lembrar que essa técnica também pode ser utilizada para fins terapêuticos que estejam relacionados com algum tratamento em benefício da saúde. Dessa forma, a aplicação desse tratamento pode ajudar com problemas como bruxismo, dores de cabeça e sorriso gengival.

Resumidamente, a toxina botulínica pode ajudar nesses aspectos pois ela evita a contração muscular, o que por consequência provoca relaxamento e diminuição de rugas e linhas de expressão causadas pelo envelhecimento natural da pele, por exemplo.

Assim como o clareamento dental, esse tipo de procedimento costuma ser indolor e feito de forma rápida.

  1. Bichectomia

 A bichectomia nada mais é do que um tipo de cirurgia simples que tem se tornado cada vez mais popular e procurado pelo público em geral, que pretendem deixar o rosto mais fino e alongado.

Isso porque, esse tipo de técnica consiste na remoção da bola de Bichat, que é o corpo adiposo da bochecha, utilizando a anestesia local (e sem cicatriz visível).


Assim como o aparelho dental de porcelana, esse procedimento pode ser realizado por um profissional da área da odontologia. Busque por um profissional de sua confiança e faça uma avaliação.

  1. Fios de sustentação

Outra técnica é através dos fios de sustentação que consistem na aplicação de fios tensores na face do paciente, que, por sua vez, acaba elevando os tecidos e resultando em um efeito anti-gravitacional. 

Esses fios são feitos de compostos ácidos e cones absorbíveis, fazendo com que o colágeno da pele ou derme acabe se regenerando.

Por incrível que pareça, para ser feito, o procedimento não necessita de nenhum corte e é feito através de agulhas apenas. 

Essa técnica normalmente é indicada para acabar com características como a flacidez, podendo ser aplicada em regiões como: pescoço, papada, sobrancelhas ou contorno do rosto e da mandíbula.

Além disso, esse procedimento ainda pode ser combinado com outros tratamentos ou técnicas como bioestimuladores de colágeno ou o implante dentário antes e depois, por exemplo.

  1. Preenchimento com ácido hialurônico

Por último, mas não menos importante, essa é uma técnica que faz a aplicação de ácido hialurônico para gerar uma correção das rugas e linhas de expressão no rosto. 

O procedimento é realizado por meio de reposição de volume de uma região específica da face. O principal objetivo dessa técnica é redefinir contornos do rosto, mandíbula, nariz, maçãs do rosto e olheiras.

Quais as principais diferenças de Harmonização facial e orofacial?

Esses são dois procedimentos muito parecidos e realizados para objetivos similares. Entretanto, a harmonização orofacial pode ser considerada uma subcategoria que está ligada à harmonização facial.

Entretanto, a orofacial seria somente técnicas que se estendem para procedimentos estéticos relacionados à região da boca.

Concluindo, nem a harmonização facial como a orofacial são invasivos e todos podem ser realizados em consultório do cirurgião-dentista.

Além disso, atualmente ainda existem diversas novidades neste mundo da odontologia, tudo para te ajudar a oferecer qualidade de vida, bem-estar e autoestima.
Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Usamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que está satisfeito com ele. Aceito Consulte mais informação